sexta, 15 Nov. 2019
 
 

Semana da Leitura no Concelho de Miranda do Corvo

O Grupo de Trabalho Concelhio da Rede de Bibliotecas de Miranda do Corvo (constituído pela Biblioteca Municipal Miguel Torga, as Bibliotecas do Agrupamento de Escolas de Miranda do Corvo e a Biblioteca da Fundação ADFP) decidiu comemorar mais uma Semana (ou melhor, semanas) da Leitura, de 16 a 27 de Abril. O conjunto de atividades concretizadas contou com o apoio da Câmara Municipal de Miranda do Corvo, dos Departamentos da Educação Pré-escolar, do 1º CEB e de Línguas, bem como do órgão de gestão do Agrupamento Escolar, da Fundação ADFP e do Grupo Recreativo Mirandense. A data foi escolhida tendo em conta a quantidade de efemérides importantes comemoradas neste período, tais como o Dia Internacional dos Monumentos (18), Dia Mundial da Terra (22), Dia Mundial do Livro (23) e dia 25, Dia da Liberdade.

A plêiade de ações desenvolvidas envolveu todos os alunos, bem como a comunidade educativa. Na Biblioteca Escolar Manuel Alegre (BEMA), na EB 2.3 C/ Sec. José Falcão, decorreu de 16 a 20 de Abril uma feira do livro, onde puderam deslocar-se quase todos os alunos do concelho, desde a educação pré-escolar ao 12º ano, incluindo os alunos do Jardim de Infância da Fundação ADFP, tendo tido muitos deles a oportunidade de ouvir uma história.

O Dia Internacional dos Monumentos foi comemorado com visitas guiadas à Estação Arqueológica do Alto do Calvário e aos Painéis da Paixão de Cristo, organizadas pela Biblioteca Municipal para alunos e comunidade em geral, ao longo da semana.

A maioria dos alunos do 1º CEB pode participar em encontros com as escritoras Sílvia Alves e Margarida Almeida que, com a sua vivacidade e espírito comunicativo, proporcionaram momentos agradáveis de convite à leitura, celebrando, assim, a leitura e o Dia Mundial do Livro. Também os alunos puderam brindar as escritoras com trabalhos diversificados sobre as suas obras, preparados anteriormente com os professores titulares de turma. Estes encontros decorreram em espaços diversificados, quer do Agrupamento (Biblioteca do Centro Educativo, auditórios da EB 2.3 C/ Sec. José Falcão e da EBI/JI Ferrer Correia), quer da comunidade (Biblioteca Municipal e Grupo Recreativo Mirandense).

Na BEMA decorreu uma tertúlia literária para professores, a propósito do livro “Efeito Âncora” da autoria do Dr. Carlos Roque, docente de matemática do Agrupamento, num ambiente descontraído mas reflexivo. Esta tertúlia, que também contou com a presença do autor e do Diretor do Agrupamento, Dr. José Manuel Simões, foi organizada pelo Grupo Disciplinar de Português do 3º CEB e Secundário. Aproveitando o Dia Mundial do Livro, a BEMA propôs a Hora do Conto para o 5º ano, ao longo da segunda semana, onde as diferentes turmas puderam ouvir histórias diversas, tendo algumas versado sobre o tema 25de Abril.

Foram também várias as exposições nas diversas escolas e bibliotecas, não só de livros alusivos à temática das diferentes efemérides assinaladas, mas também dos trabalhos realizados pelos alunos dos 1º e 2º CEB no âmbito do concurso lançado pelas Professoras Bibliotecárias “Sou criança, mas também tenho deveres”, dos trabalhos dos alunos da disciplina de Oficina de Artes, dos poemas selecionados e/ou criados pelos alunos do 8º ano sobre o amor, no âmbito da disciplina de Língua Portuguesa, da exposição sobre “El Dia del Libro” do Grupo Disciplinar de Espanhol, ... Na EB 2.3 C/ Sec. José Falcão expuseram-se, ainda, em todas as portas das salas de aula cópias de capas de livros existentes na BEMA como convite à sua leitura.

O Dia 25 de Abril foi celebrado, no dia 24 à noite na Biblioteca Municipal, com a apresentação do livro da escritora Inês Maomé “Aqui vai o lenço”, que contou com a presença da senhora presidente da Câmara Municipal de Miranda do Corvo, Dr.ª Fátima Ramos. O evento terminou agradavelmente com uma pequena atuação do Grupo 5 P´rofado, que integra 2 alunas do 12º ano do Agrupamento.

Mais uma vez, a colaboração de todos proporcionou uma panóplia de atividades possibilitadoras do desenvolvimento das competências literácias, quer dos alunos, quer da comunidade em geral.